sexta-feira, 22 de abril de 2016

[Encomendas literárias] A Darker Shade of Magic, de V.E. Schwab

Aqui estou eu de volta ao blog para falar sobre a outra encomenda que recebi ontem. O outro livro que decidi comprar no mês passado foi o primeiro volume da coleção Shades of MagicA Darker Shade of Magic, de V.E. Schwab.



A Darker Shade of Magic (Shades of Magic, #1)
Edição norte-americana.

Em primeiro lugar, vou falar sobre a autora, Victoria Schwab, que usa como pseudónimo V.E. Schwab quando escreve livros para New-Adults (tradução livre: Novos-Adultos), como é o caso da coleção A Darker Shade of Magic. Ela usa o seu próprio nome nos livros direcionados para um público mais jovem.
Victoria Elizabeth Schwab nasceu a 7 de julho de 1987 e encontrou a escrita como sua melhora amiga aos 10 anos. No último ano como estudante universitária, Schwab decidiu escrever o seu primeiro grande romance, The Near Witch, que foi publicado em 2011. Desde então, a sua popularidade tem aumentado na comunidade online de leitores, especialmente graças à coleção Shades of Magic e à duologia Vicious (neste momento, está a escrever o segundo volume)ambos direcionados para leitores de livros de New-Adults. Também tem conquistado o coração de muitos jovens leitores graças à trilogia The Archived.




Victoria/V.E. Schwab
V.E. Schwab publicou esta fotografia nas redes sociais quando lançou A Gathering of Shadows, a sequela de A Darker Shade of Magic.





Como podem constatar, esta autora encantou muitas pessoas com os seus livros sobre magia e, ao ver tantos leitores entusiasmados com o segundo livro da coleção Shades of Magic (A Gathering of Shadows foi publicado este ano, em fevereiro), eu decidi que era altura de me aventurar nas suas histórias repletas de personagens interessantes e de mistérios cativantes. Assim sendo, aqui está A Darker Shade of Magic:


Recebi a edição britânica, que também é muito bonita!

Aqui está uma sinopse traduzida por mim e que foi retirada do Goodreads:

"Kell é um dos últimos Antari, um mágico raro que pode viajar entre dois mundos paralelos: saltando de Grey London (tradução livre: Londres Cinzenta)- suja, enfadonha, um local sem magia que é governado pelo louco Rei George- para Red London (tradução livre: Londres Vermelha)- onde a vida e a magia são veneradas e a dinastia Maresh reina um império florescente- e para White London- governada por quem quer tenha assassinado pelo caminho para ficar com o trono, onde as pessoas lutam para controlar a magia, que luta contra elas. No entanto, não se pode ir para Black London (t.l. Londres Negra) porque viajar para lá é proibido e ninguém fala nisso no presente.

Oficialmente, Kell é o embaixador pessoal e o Príncipe adotado de Red London, carregando as correspondências mensais entre os membros reais de cada London. Mas, de uma forma não oficial, faz contrabando para aqueles que estão dispostos a pagar para ter um vislumbre de um mundo que nunca viram e isso é um hobby perigoso que o leva a ser condenado por traição acidental. Fugindo na Grey London, Kell colida contra Delilah Bard, uma ladra com aspirações elevadas. Ela assalta-o, salva-o de um inimigo perigoso e depois força-o a levá-la com ela para uma aventura adequada.

Mas magia perigosa está em marcha e a traição esconde-se em cada esquina. Para salva a London de Kell e as outras, Kell e Lila têm de, primeiro, sobreviver- um feito mais complicado do que eles esperavam".


Parece que a autora criou um livro recheado de mundos interessantes e não me admira que a G- Base Productions queira fazer uma série televisiva baseada nesta história. Schwab será a responsável pelo guião do episódio piloto.


E pronto! Já vos apresentei os meus novos "amigos"! Vemo-nos na próxima publicação!




Sem comentários:

Enviar um comentário