quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Já foram anunciados os vencedores dos prémios PEN de 2015

O P.E.N Clube Português faz parte do P.E.N. Club Internacional, a maior e a mais antiga organização de escritores no mundo, tendo sido criada em 1921. O grupo português foi formado, legalmente, em 1979, e é composto por (P)oetas, (E)nsaístas e (N)ovelistas.


Anualmente, um grupo de escritores portugueses é distinguido por prémios atribuídos pelo P.E.N. Clube Português, que se encontram separados nas seguintes categorias: Narrativa, Ensaio e Poesia. Cada categoria tem o valor pecuniário de 5000 euros, enquanto a Primeira Obra (outra categoria) recebe 2500 euros.
As obras nomeadas são sempre as que foram publicadas no ano anterior.

Logótipo da organização portuguesa.


O Prémio P.E.N. de Ensaio de 2015 foi para Mário de Carvalho, que já tinha sido galardoado, em 2013, com o Prémio P.E.N. de Narrativa, com o romance Fantasia para dois coronéis e uma piscina. Desta vez, ganhou graças à ao ensaio Quem disser o contrário é porque tem razão.


Este é o livro vencedor do prémio P.E.N Ensaio de 2015.


Em relação à Poesia, foram reconhecidos dois autores: Isabel Mendes Ferreira , pela obra O Tempo É Renda, e Luís Quintais, por O Vidro

Uma das obras vencedoras do Prémio P.E.N Poesia de 2015.

Luís Quintais, graças ao livro O Vidro, também recebeu o Prémio P.E.N Poesia de 2015. Já em 2014, tinha recebido o Prémio da Fundação Inês de Castro.




Quanto à Narrativa,  a obra vencedora foi Hotel, de Paulo Varela Gomes.


Paulo Varela Gomes recebeu o Prémio P.E.N Narrativa de 2015.



Ainda não há uma data definitiva para a entrega dos prémios.

Sem comentários:

Enviar um comentário