terça-feira, 22 de setembro de 2015

Divulgação: Fangirl, de Rainbow Rowell



Tenho que ser sincera: Tenho Eleanor & Park na minha estante, mas ainda não o li....
Contudo... QUERO MUITO LER FANGIRL!
Ok, vou controlar-me um pouco agora. Eu quero comprar Fangirl porque, eu própria, sou uma Fangirl! Sabem o que é ter um livro que fala sobre isso? Sobre fãs e a maneira como adoram profundamente certos livros, filmes, séries, etc? Neste caso, a personagem principal, Cath, é uma Fangirl de uma coleção de livros. Portanto, já viram o que é ler um livro sobre as paixões de um fã? Meu Deus, eu preciso disto! Deve ser lindo! **

O livro já se encontra em pré-venda no site da Saída de Emergência, mas chegará às prateleiras portuguesas no dia 23 de outubro.


Sinopse retirada do site da Saída de Emergência:

Da autora de Eleanor & Park, descubra uma nova história sobre aprender a amar 

Cath ama os seus livros e a sua família. Haverá espaço para mais alguém?


Todo o mundo é fã dos livros de Simon Snow. Mas Cath vai mais longe: ser fã desses livros tornou-se a sua vida. Ela e a sua irmã gémea, Wren, refugiaram-se na obra de Simon Snow quando eram miúdas, e na verdade foi isso que as salvou da ruína emocional que foi a perda da mãe.
Ler. Reler. Interagir em fóruns, escrever ficção baseada na obra de Simon Snow, vestir-se como as personagens dos livros. Mas essas fantasias deixam de fazer sentido quando se cresce, e enquanto Wren facilmente abandona esse refúgio, Cath não consegue fazê-lo. Na verdade, nem quer.
Agora que vão para a universidade, Wren não quer ficar no mesmo quarto de Cath. E esta fica sozinha e fora da sua zona de conforto. Partilha o quarto com uma miúda arrogante; tem um professor que despreza os seus gostos; um colega atraente mas que apenas fala sobre a beleza das palavras... e, ainda por cima, Cath não consegue parar de se preocupar com o seu pai, tão querido, frágil e solitário.
A pergunta paira no ar: será que ela consegue triunfar sem que Wren lhe dê a mão? Estará preparada para viver a vida em seu nome? Escrever as suas próprias histórias? E se isso significar deixar Simon Snow para trás?

Sem comentários:

Enviar um comentário